O fim de uma era – Vingadores: Ultimato | Análise

Uma celebração do universo Marvel por completo!

Antes de tudo, leia nossa análise de Vingadores: Guerra Infinita!

Eu imagino que após quase um mês após seu lançamento e quase batendo Avatar nas bilheterias mundiais, eu não preciso falar o quanto o filme é bom, não é?

Então é isso, fim do texto. Beijos.

Sacanaaaaagem, eu vou falar sim. Esse filme é uma obra prima. Desde toda a parte técnica, músicas, atores, história… até nas piadas eles acertaram o timing e o tom. O filme que fez salas e salas de cinema tremerem de tanto o pessoal gritar dentro não merece menos, não é?


SPOILER A SEGUIR

O filme começa um pouco depois de Guerra Infinita, com Gavião Arqueiro perdendo sua família, trocando pra Tony e Nebulosa na nave dos Guardiões. Capitã Marvel vai lá e resgata os dois.

Logo após uma conversa para bolar um plano, os Vingadores partem pro mundo onde está Thanos agora, com sua fazendinha. O time vai lá, percebem que as jóias sumiram.

Thanos destruiu todas elas, porque pra ele, as jóias só serviam de tentação pra fazer merda. Então Thor vai lá e acerta na cabeça dessa vez, na cabeça do Thanos vegano, tadinho dele. Só queria comer uns rabanetes.

Passam-se 5 anos. A van que estava com o Homem-Formiga dentro está em um galpão abandonado, quando um rato (uma clara alusão ao Mickey… Disney safada) anda no aparelho e faz Scott voltar. Então eles voltam pra base dos Vingadores e bolam um plano para voltar no tempo. E voltam. Um time pra cada época do tempo.

Após recuperar as jóias (em uma cena mais foda que a outra, abrindo brechas para muitas coisas no futuro), Tony cria uma manopla para o Hulk Cinéfilo estalar os dedos. E após ele estalar, todos os que tinham ido no estalo, voltaram. Porém, o Thanos do passado encontra uma brecha para vir para o futuro, trazendo contigo sua nave e seu exército.

Agora as coisas começam a ficar interessantes!

Thanos destrói a base dos Vingadores na base de mísseis. Ninguém morre, mal saem machucados. Incrível esse pessoal, não? Após tudo destruido, Nebulosa vai atrás da Manopla que Hulk usou e Thanos fica sentado cansadão esperando.

Então que surge o trio. Capitão América, Thor Deus do Litrão e Homem de Ferro. Os três esperavam ser uma armadilha, mas nem era. Tony “veste” sua armadura, Capitão afivela o escudo e Thor LEVANTA O STORMBREAKER E O MJOLNIR AO MESMO TEMPO. Esse é o primeiro momento “Fudeu” do Thanos.

Mesmo eles indo descer o cacete no Thanos, quem tomou o cacete foi o Trio, Thanos quase matou o Deus do Litrão… e é quando acontece o primeiro momento “AEEEEEEEEEEEE” no cinema.

Capitão levanta o Mjolnir! E pra completar, Thor manda um: Eu sabia!


(A partir daqui, leia ouvindo essa música… se quiser, claro)


Capitão desce o cacete no Thanos de escudo e Mjolnir. Que não dura muito tempo. Thanos pega sua espada de hélice de helicóptero e bate no escudo do Capitão até quebrar e ele cair no chão. Capitão então se levanta, respira, aperta seu escudo e pensa: Fudeu. Só tinham uns heróis para o exército inteiro do Thanos, incluindo Ordem Negra.

Quando de repente, meus amigos, Falcão manda no rádio: Capitão, tá me ouvindo? Na sua esquerda. Segundo momento “AEEEEEEEEEEE”, quando o Falcão acaba de falar isso, um portal se abre atrás do Capitão. E é nesse momento que você fala: MEU DEUS, É VERDADE, O HULK VOLTOU TODO MUNDO.

Do portal saem Pantera Negra, Okoye e Shuri. Andandinho, como se nada tivesse acontecido. Falcão sai voando mostrando muitos portais sendo abertos. Thanos olha isso e pela segunda vez, olha com cara de “Fudeu”.

Dos portais, começam a sair todos os heróis, seus exércitos e muitos outros personagens, até o Howard The Duck estava no meio. Todos eles se alinham em frente aos portais, encarando o exército de Thanos. E quando isso acontece… ah… que cena.

A música vai aumentando, aumentando, dando um ar de “É AGORA”, a camera sobrevoa todos, mostrando todo mundo que estava lá.

A camera para no Capitão que grita “VINGADORES…”, pega o Mjolnir e sussurra só pra você que tá vendo o filme… “AVANTE”.


AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE

A partir daí são mais de 20 minutos de porradaria sem fim. Todos tentam levar a manopla de volta no tempo, mas ninguém consegue. Thanos tem seu terceiro momento “Fudeu”.

Feiticeira Escarlate chega e quase mata ele, com isso, ele ordena que os misseis sejam atirados no campo de batalha pra tentar escapar. E por um tempo consegue.

Essa é a carinha de “Fudeu” que ele faz a batalha inteira! Olha que fofo!

Até que os mísseis começam a mirar no céu. Todo mundo fica se olhando. Até que uma rajada de luz destrói a nave do Thanos como se ela fosse um Purê. Thanos já boladasso no seu quarto “Fudeu”. E quem é que aparece? Capitã Marvel!

Após mais luta, Thanos consegue as jóias, quase estala pra acabar com tudo, mas Capitã segura a manopla. Thanos quase perdendo denovo, pega uma das jóias e da uma muqueta na cara da Capitã que ela desmaia e vai parar longe. Doutor Estranho então mostra o dedo pro Tony, mandando ele ir pra PUTA QUE PA… falando que esse é o 1 que eles ganham.

Tony Stark então levanta, finge que vai pegar a manopla do Thanos, pega as jóias e coloca em sua manopla.

“EU SOU O HOMEM DE FERRO”

Thanos, por sua vez, olha pela quinta e última vez com sua cara de “Fudeu” enquanto Tony estala os dedos para acabar com seus inimigos. Thanos então faz o que todo vilão derrotado faz, senta. Não tinha mais nada o que fazer, acabou. E acabou para o Tony também, que acaba morrendo com a força das jóias.

O filme então se encerra com o funeral de Tony com todo mundo lá, até o menininho do terceiro filme. Thor se junta aos Guardiões da Galáxia, chamando de “Asguardianos da Galáxia”, e o Capitão voltando para entregar as jóias de onde elas foram retiradas, escolhendo ficar no passado, vivendo sua vida com a Peggy Carter, só voltando para nomear o Falcão como o próximo Capitão América.


Bom, ainda gostaria que todos mesmo participassem, isso incluindo Visão, Mercúrio, Yondu, Viúva Negro… talvez até o Blade… talvez até personagens que nem foram apresentados ainda como Nova, Adam Warlock, Bill Raio Beta, Kamala Khan, Hulk Vermelho… talvez até personagens da série da Netflix… talvez até heróis que não são deste universo ainda como X-Men e Quarteto Fantástico… talvez até alguns vilões como Loki, Kilmonger e Ossos Cruzados…

Mas é bem como o Wong diz: Você queria mais???

Esse filme foi o fechamento completo dessa saga que durou 11 anos e mais de 20 filmes! Foi realmente um presente assistir esse filme depois de ter acompanhado desde pequeno os filmes. É estranho pensar em como esses filmes estão nos acompanhando enquanto crescemos e que agora essa fase chegou ao fim. E para mostrar o carinho que todos envolvidos tem pela obra como um todo, eles “começaram” e “acabaram” com a mesma frase: “Eu sou o Homem de Ferro”.

Não sei o que está por vir nas próximas fases do MCU, mas será bem difícil superar o que foram esses filmes, uma vez que todos os Vingadores originais estão fora de cena. Tony e a Natasha morreram, Clint está aposentado, Steve voltou para a Peggy e agora está velho, Hulk está calmo agora e Thor… bem… o Thor está agora em Guardiões da Galáxia, que vai ser um uso bem melhor pro personagem. Farei um texto depois falando especificamente do Thor e do Hulk.

Agora é esperar até dia 4 de Julho para descobrirmos o que Homem Aranha: Longe do Lar vai nos trazer de novidade. E se os trailer estiverem falando a verdade, multiverso está aí!

PS: Desculpa, me empolguei com as imagens.

Miguel Moreira

23 anos, publiciotário, gamer desde os 4 anos de idade e consumidor voraz de cultura pop. Youtube e Netflix são minhas TVs.

%d blogueiros gostam disto: